terça-feira, janeiro 30, 2007

Ostras em cativeiro

A produção de "pérolas" no jornalismo português está a atingir proporções industriais.
É sempre bom ser informado que gente da catequese, membros da Opus Dei, feministas, intelectuais, antifascistas, académicos, okupas e ecologistas são uma categoria à parte das "pessoas sérias e normais". A seriedade e normalidade destes grupos até poderá ser discutida por mim ou por qualquer outra pessoa, mas NUNCA numa peça jornalística.
Gostei também de saber que intelectuais, antifascistas, académicos e ecologistas se posicionam num só lado da discussão. És académico, logo tens que ser a favor do sim. Votas não, logo és fascista. Lindo!

1 comentário:

gui disse...

Esperamos ansiosamente que seja so um erro de pontuacao.. Mas mm assim nao se safa :S