quarta-feira, dezembro 19, 2007

Nem me digam nada

Ando a tratar das burocracias todas para me ir embora. Isto, claro, fora o trabalho, o empacotar e o dizer adeus a todas as pessoas (eu não gosto de festas de despedida e, por isso, tenho tentado estar com cada um dos meus amigos individualmente - asneira!).
Há uns dias, o nível das complicações suscitava-me sentimentos contraditórios: não sabia se queria sair daqui ou, pelo contrário, ficar eternamente para não ter trabalho.
Agora, todas as contradições se desvaneceram: "Tirem-me daqui o mais depressa possível!!!! Eu pago! Tudo o que fôr preciso!". Mas, tal como a imagem, sempre glamourosa que hoje tenho uma festa. E daquelas chiques!

1 comentário:

gui disse...

:)))))))))))))))9