terça-feira, dezembro 04, 2007

Já não estar aqui

Faltam precisamente 17 dias para eu me ir embora. Deixar emprego, casa, alguns amigos, Israel.
Não estou triste nem contente.
Estou noutra. Nos amigos que vou visitar, ou não. Nos cursos que vou fazer, ou não. Nas viagens que vou fazer, ou não.
Definitivamente, desde Annapolis que já não estou aqui.

4 comentários:

Filipa disse...

Claro que todos sabemos que vais encontrar o teu lugar. E todo o ânimo necessário.

Thomaz Napoleão disse...

Eu tenho certeza de que vôos ainda maiores e mais interessantes esperam a nossa querida rapariga!

Fico triste apenas por não ter conseguido te visitar na terra três vezes santa. Ainda serei milionario, ou pelo menos influente o suficiente pra viajar de graça. Então também arranjar-te ei algum passaporte extra para que possas visitar o Libano.

Coimbra agora?

Isabel disse...

Possivelmente estou mais triste do que tu. Quando voltarei aí? Tenho saudades de percorrer o labirinto das ruas de Jerusalém, o nosso restaurante que era tão acolhedor... Penso no que não cheguei a comprar, a foto da moça na fonte, a caixinha de madeira com quadradinhos embutidos, as moedas... Os gelados no restaurante Kibutz de Telavive... Vou ter saudades, devia ter ido aí este mês. Fica para a próxima. Mas quero cá rapidamente. De ti sim, tenho muitas muitas saudades. Vou apertar-te muito nos meus braços, porque sei que qaundo os abrir...lá vais tu outra vez...

Anaipa disse...

Hum... então aproveita os dias por ai... tem sido com animo que ao longo dos ultimos meses tenho vindo ao teu spot ver o que se faz por aí... e aguardo novas aventuras da Susaninha no mundo dos crescidos.